17/04/2021 às 19h51min - Atualizada em 17/04/2021 às 19h51min
Rachel Sheherazade processa SBT e pode embolsar R$ 30 milhões


Rachel Sheherazade resolveu entrar com uma ação contra o SBT, sua antiga empresa, para receber direitos trabalhistas. O processo, que corre na 3ª Vara do Trabalho de Osasco, na Grande São Paulo, pode chegar a nada menos que R$ 30 milhões.

De acordo com o “Uol”, a apresentadora alega que trabalhava como uma funcionária de carteira assinada, com horário fixo para desempenhar suas funções, além de precisar fazer horas extras e plantões, mas era contratada oficialmente como pessoa jurídica.

Durante seus 11 anos à frente do “SBT Brasil”, Rachel Sheherazade recebia um salário de cerca de R$ 200 mil, além de R$ 30 mil de auxílio moradia.

Vale lembrar que a jornalista foi dispensada em setembro do ano passado, um mês antes do fim de seu contrato com o canal do Homem do Baú. O fato ocorreu logo após a profissional criticar o presidente Jair Bolsonaro – a quem Silvio Santos já mostrou abertamente seu apoio.

 

NOTÍCIAS RELACIONADA
Vale terá de pagar R$ 1 milhão a cada empregado morto em...
Médicos representam contra Otto no Conselho Federal de...
Justiça Federal condenou prefeito de Palmas de Monte Alto e mais nove por...
2ª Vara Cível de Guanambi profere 335 sentenças nos últimos três...
GALERIAS
CLASSIFICADOS