20/02/2020 às 21h16min - Atualizada em 20/02/2020 às 21h16min
Homem mata namorada e depois passeia com a ex e os filhos em Goiás


A gerente de um hipermercado em Goiás foi encontrada morta e enterrada em uma área de mata nesta quinta-feira (20). Fernanda Souza Silva, de 33 anos, estava desaparecida desde o último dia 12. De acordo com a polícia, o suspeito Alan Pereira dos Reis, de 22 anos, confessou o crime e disse que cometeu o homicídio porque a vítima teria chamado os filhos dele de “bastardos”. As informações são do G1.

'Ligue 180' recebe denúncias sobre assédio e violência contra a mulher

O jovem confessou ainda ter levado a ex-mulher e os filhos para passear em um shopping horas após queimar e enterrar o corpo da vítima. A denúncia do desaparecimento de Fernanda foi feita pela família da vítima e pelo próprio namorado dela na última sexta-feira (14).

De acordo com o delegado Antônio André, após a denúncia do desaparecimento, a Polícia Civil pediu para que Alan não viajasse e mantivesse o celular ligado. No entanto, Alan não manteve o telefone ligado, comprou uma passagem de ônibus para Tocantins e acabou sendo preso por usar um documento falso.

Ainda segundo o G1, a polícia apura como ele conseguiu o documento e sabia as senhas dos cartões da vítima para conseguir usá-los. As investigações continuam para identificar se ele a matou para ficar com o carro e dinheiro dela, ou se pelo motivo fútil da suposta ofensa aos filhos dele. Alan e Fernanda estavam juntos há 20 dias.

ISTOÉ

NOTÍCIAS RELACIONADA
Guarda Municipal morre em confronto com a polícia em Serra do...
Governador Rui Costa presta depoimento à PF no caso dos...
Delegado é morto com tiro na cabeça após confusão em casa de...
Motociclista morre após acidente em...
GALERIAS
CLASSIFICADOS