06/04/2017 às 09h37min - Atualizada em 06/04/2017 às 09h37min

Revelada a identidade do advogado preso suspeito de estuprar as filhas

Sudoeste Digital

Já está está no Conjunto Penal de Vitória da Conquista, a 509 km de Salvador, o advogado preso suspeito de estuprar as duas filhas, de 11 e 12 anos. O Sudoeste Digital apurou que se trata de Paulo Alves Teixeira, inscrito na OAB sob número 51954. Ele pode ser condenado a 15 anos de prisão.
 

 

 
De acordo com a Polícia Civil, a prisão ocorreu na terça-feira (4), após comprovação obtida por laudo que atesta a violação dos órgãos genitais das garotas. O ofício de prisão é de número 1195.
 
Segundo a polícia, o crime foi descoberto após a professora das crianças ler uma redação em que uma delas se declarou infeliz. A professora estranhou o relato, avisou à direção da unidade escolar, que comunicou o Conselho Tutelar. Em seguida, o órgão fez a denúncia à polícia, que investigou o caso e constatou os abusos.
 
Ainda de acordo com a polícia, o advogado informou que as filhas moram com ele e que a mãe delas não participa da criação das meninas. As vítimas estão sob cuidados de uma família acolhedora. A OAB avalia a situação e pode recomendar, dentre outras punições, a suspensão do registro do advogado.

 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Como você avalia os primeiros 100 dias de administração do prefeito Jairo Magalhães em Guanambi

22.4%
3.7%
10.3%
63.6%
Moeda Valor
Dólar 3.1749
Euro 3.4587
Peso Argentino 0.2063
Bitcoin 4493.60425